Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Só Para Avisar...

por Mammy, em 25.09.12
...Que continuo a ler o Estatuto do Aluno.

Arre, literaturazinha barata!

publicado às 01:20

"Os Cavalos Também se Abatem"

por Mammy, em 24.09.12
Esta frase não me sai da cabeça desde que a égua morreu.

Quando paguei a conta da veterinária, senti que fechei um ciclo na minha vida. Um ciclo cheio de amor.

Apesar de ultimamente já não estar muito com a égua, sentia-a sempre próxima. Quando estava muito calor, pensava se ela teria sombras para se abrigar, quando estava frio, pensava se lhe tinham colocado o cobrejão, quando chovia, se estaria muito molhada. Olhava o céu e pensava nela. Todos os dias, havia um motivo para pensar nela. E quando o fazia, o meu coração ficava cheio.

Hoje, se está sol, frio, ou chuva, já não importa. A razão para pensar nisso já não existe. Foi-se embora e levou com ela a ligação que me prendia à terra, ao ar, ao vento, à chuva, ao céu, aos cavalos...
A ligação quebrou-se. Os cavalos estão mais longe de mim. Tão longe, que este coração fica apertadinho. Sinto-me mais pobre e mais vazia por dentro. Tão vazia que quase oiço o eco do meu coração a bater.

publicado às 02:23

Estatuto do Aluno

por Mammy, em 24.09.12
Ainda ando a lê-lo...
Isto vai devagarinho, mas vai.

publicado às 01:57

Próxima Estación: Esperanza

por Mammy, em 23.09.12
Barcelona sob o olhar de uma criança de oito anos:

























A publicação de todas as fotografias foi devidamente autorizada pelo autor.

Actualização: A fotografia que faltava.

publicado às 03:04

Em Breve...

por Mammy, em 21.09.12
Um post sobre o novo Estatuto do Aluno.

E olhem que eu estou furiosa!!! Rsrsrsrsrsrsrsrsrsrsrsrr!!!!

publicado às 01:35

TPCs e AECs, ou seja, Trabalhos Para Casa e Actividades Extra-Curriculares

por Mammy, em 21.09.12
Assumo-me, aqui perante todos vós, uma convicta opositora aos TPCs, durante a semana e quando os miúdos frequentam as AECs!

Crianças com uma jornada laboral maior do que certos adultos, que apenas têm 4 horas em casa com os pais, e que nessas 4 horas ainda tenham que tomar banho, vestir-se, brincar um bocadinho à pressa e jantar, não deviam nunca, jamais, e em tempo algum, ter trabalhos de casa para fazer! Tenho dito!

As AECs foram inventadas para quê? Não foi para ocupar as crianças o resto do dia, enquanto os pais não chegam do trabalho para as irem buscar à escola? Não foi para alguns pais poderem prescindir dos ATLs (Actividades de Tempos Livres) e não terem que pagar uma mensalidade a estas instituições para irem levar e buscar os seus filhos à escola?

Pois se é para isso que elas existem, e até há uma delas que se chama Apoio ao Estudo, porque é que os miúdos não fazem os TPCs durante o período em que estão nestas actividades, ou, mais propriamente, nesta que tem um nome tão sugestivo?

E ainda querem que sejamos nós, pais, a educar os nossos filhos?!

Como podemos fazê-lo em 4 horas diárias, nas quais temos que os pôr a tomar banho, jantar e ainda ajudar a fazer TPCs? 
Digam-me, por favor, que eu estou "à nora"!

Concordo com TPCs, mas para os fins-de-semana, concordo que devem ser os pais a educar os filhos (detestaria ter que delegar essa tarefa a outras pessoas), mas em 4 horas diárias, cheias de outras coisas para fazer, como é possível desempenharmos o nosso papel de pais de uma maneira minimamente aceitável?

Alguém me sabe dizer?

publicado às 01:30

Praxes

por Mammy, em 20.09.12
Ontem, numa conversa com a minha mãe sobre as praxes, que já se fazem aos miúdos do 5º ano, ela diz-me:

- Para mim, as praxes não são mais do que uma forma de bullying!

Eu concordo plenamente com ela. As praxes são bullying! E, na maior parte das vezes, são bullying consentido, o que me parece ainda mais grave. 
Permitirmos que abusem de nós, nos humilhem, nos façam fazer coisas contra a nossa vontade, só para sermos bem aceites ou porque temos medo de nos impormos, é grave, muito grave! Reflecte falta de personalidade, auto-estima diminuta e, essencialmente, falta de TOMATES! 

Há quem defenda as praxes como uma forma de integração no meio escolar. Há quem diga "nos dias de praxe, os alunos têm a oportunidade de conhecer os colegas, de perceber como funciona a nova escola, de fazer amigos".

Sim???

Acham que vale a pena os alunos passarem por sessões contínuas de humilhação para se integrarem, conhecerem os colegas, perceberem como funciona a nova escola e fazerem amigos?
Não haverá outra forma de conseguirem tudo isso?

E acham mesmo que ISTO é giro?




Imagens retiradas da Internet.

publicado às 00:05



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Visitas